23.06.2017
Os Primeiros Confrontos da Season 2 - BRK vs Merciless e Nox vs Dexterity - INTZ vs Black Dragons e PaiN Gaming vs OPK
A Segunda Temporada da Pro League de Rainbow Six Siege deu seus primeiros passos sábado (17). Fique por dentro de tudo o que rolou durante o primeiro dia do campeonato, onde vale tudo para a Mundial.

Depois de um intervalo, a Pro League volta cheia de novidades e emoções! O primeiro dia da fase de grupos aconteceu neste sábado (17). Vale lembrar que, a partir desta semana, os jogos serão sempre transmitidos às terças feiras, às 18h.

 

O campeonato voltou com a presença dos Talentos: Meligeni e Retalha! Os jogos estão sendo transmitidos nos canais da Ubisoft.

 

Ubisoft e-Sports - BRASIL  (YouTube)

www.youtube.com/channel/UCFYYhd9-VxkHnaA5cOiSybA

 

Ubisoft e-Sports (Twitch.tv)

https://www.twitch.tv/ubisoftesports

 

 

Grupo A

 

Primeiro Jogo - BRK e-Sports vs Merciless

 

Para iniciar com chave de ouro o campeonato, tivemos uma disputa acirrada entre a BRK, que já havia disputado a season anterior, contra a Merciless; time que entrou de cabeça em sua primeira Pro League de Rainbow Six SIege!

 

O primeiro round foi disputado no mapa Consulado, que foi escolha da BRK e também, cenário de sua primeira vitória do dia. Já o segundo round, escolhido pela Merciless, o mapa da vez foi Fronteira, onde a BRK também conseguiu sua vitória!

 

BRK conseguiu mostrar que entrou seriamente no jogo e que não está de brincadeira. Os jogadores que vieram da antiga Black Dragons mostram que não perderam a agitação do 2º lugar no Mundial, e que estão com táticas novas, principalmente em questão de defesa. Nesk se destaca no jogo levando o maior número de abates, no total 07, mostrando sua Ash, Valkyrie e Twitch.

 

Merciless também conseguiu um ótimo desempenho durante o desenrolar do jogo. O time conquistou a vaga na Pro League saindo da Challenger, porém estão em uma fase de adaptação com novos desafios e confrontos contra times acostumados com essa rotina.

 

 

Segundo Jogo - Santos Dexterity vs NoX Gaming

 

No segundo jogo, tivemos um dos clássicos da season passada. A Santos enfrenta a NoX e mostra que não quer perder o favoritismo da torcida, levando dois a zero em cima da Nox Gaming.

 

O primeiro mapa foi Fronteira, escolha da Santos. Já o segundo foi o mapa Banco, escolha da Nox. Os dois mapas foram palcos de disputas de times mostrando inovações, principalmente por parte do Astro, que se destaca conseguindo 13 abates e 05 headshots.

 

Grupo B

 

Primeiro Jogo - INTZ vs Black Dragons

 

Começando pelos Bans, INTZ tira os mapas: Banco, Arranha-céu e consulado. Já a Black Dragons: Litoral, Casa de Campo e Kafe Dostoyevsk. Portanto, primeiro mapa a ser jogado é Oregon, escolha da Black Dragons e logo após Fronteira, escolha da INTZ.

 

INTZ começa o jogo com sua composição padrão de defesa; Smoke aparecendo bastante e Valkyria também, conseguindo ficar posicionada por completo na parte inferior do mapa. A BD não consegue quebrar a defesa da INTZ por questões de rotações de operadores pelo mapa, onde a INTZ conseguiu se posicionar muito bem, principalmente por estar defendendo agressivamente e não deixando a BD counterar. INTZ leva o Primeiro Round.

 

Já o Segundo e Terceiro Rounds ficam para a Black Dragons. No segundo round, o time conseguiu fazer uma line extremamente ofensiva e não deixou possibilidades para a INTZ conseguir entrar na casa. Já no terceiro round, BD consegue uma ótima rotação e se aproveitou de um pequeno desfoque da INTZ em escolher o bomb-side.

 

INTZ conquista o quarto round, fazendo duas eliminações rápidas no ínicio do jogo. os jogadores conseguiram dronar corretamente conseguindo espaço para plantar o desativador e ganhar a rodada!

 

O quinto e sexto rounds, ficam na mão da Black Dragons novamente! Por parte do jogador Thyyy, tiveram vantagem em expansão de visão em questão das cargas exotérmicas que foram usadas muito bem durante a quinta rodada! A sexta rodada não foi muito diferente, dessa vez a INTZ estava como defesa, porém o Kamikaze teve uma ótima rotação e conseguiu impedir os avanços da INTZ.

 

No sétimo round tivemos um maravilhoso 5K do Psycho, fazendo a Black Dragons ganhar o primeiro mapa. A vitória do mapa fica com a BD principalmente pela rotação dos jogadores e a visibilidade que conseguiram abrir durante as partidas. Utilizaram sair pela janela trabalhando com a defesa avançada, anulando o ataque da INTZ mesmo antes de conseguirem entrar na casa. Essa defesa avançada não deixou tempo para a INTZ conseguir reagir, deixando o time confuso em rushar ou dronar que levaria mais tempo!

Durante o segundo mapa, pode-se observar algumas falhas de comunicação por parte da INTZ fazendo com que a BD conquistasse o primeiro round, principalmente por terem a vantaem do Glass na smoke.

 

A Black Dragons consegue manter seu favoritismo e joga com estratégias diferentes, principalmente trabalhando com pixels e explorando possibilidades nos mapas. BD consegue levar todos os rounds em cima da INTZ! O time jogou muito bem, assim como a INTZ também se expressou muito bem durante os jogos. Todos os mapas tiveram disputas acirradas, onde a INTZ conseguiu bater de frente. Vemos que os dois times são muito experientes no jogo, porém a comunicação da BD é maior, pois os jogadores estão juntos há mais de um ano e meio! A INTZ mostrou muita habilidade e precisão nos jogos e conseguiu se destacar bastante também!

 

Segundo Jogo - Operation Kino vs PaiN Gaming

 

Os dois times chegaram mostrando mudanças nas duas lines, a operation kino com um time recente e com jogadores que já se conheceram anteriormente, como Intact e Drix; que jogaram warface e agora estão no competitivo de R6. Já a PaiN volta com o Wagner (antigo jogador da keyd que não jogou a temporada passada por uma penalidade).

 

OPK começa com bans nos mapas: Kafe Dostoyevsk, Arranha-céu e Chalé. Já a Pain bane os mapas: Litoral, Banco e Casa de Campo.

 

O primeiro mapa (Consulado), foi muito bem disputado, onde conseguimos ver que a PaiN Gaming evoluiu exponencialmente desde a temporada anterior e conseguiu passar por cima da OPK, mesmo com alguns obstáculos que o time havia imposto. A PaiN conseguiu utilizar a imprevisibilidade e domínio absoluto do mapa estrategicamente.

 

A OPK entra bem pressionada no segundo mapa (Fronteira). Os jogadores não conseguem segurar a defesa contra a PaiN gaming que estavam sendo imprevisíveis em relação a ataque e também, não conseguiram pressionar a defesa avançada da Pain, portanto, a PaiN consegue fechar a noite com um 2x0 em cima da Operation Kino!