06.04.2018
R6 pelo mundo: veja o que rolou nos outros regionais da Pro League na Semana 4
Resumo das competições que ocorreram na América do Norte, Europa e Ásia

Por Luiz Queiroga


A sétima temporada da Pro League vem agitando todo o cenário mundial competitivo de Tom Clancy’s Rainbow Six Siege.

Na América Latina, a Team Liquid conseguiu garantir a classificação aos playoffs, enquanto a YeaH! Gaming foi a primeira eliminada do torneio. Veja mais detalhes aqui.

Agora, confira um resumo do que rolou nos outros circuitos regionais de R6 em meio a Semana 4!

América do Norte

Pelo campeonato estadunidense, a Rogue foi a primeira equipe a se classificar aos playoffs no grupo B. O time bateu a SK Gaming por 2 a 1. Vitória no primeiro mapa num disputadíssimo 6-5 em Fronteira. Depois, melhor pra SK que levou Consulado por 5-3, mas a Rogue devolveu no mesmo placar em Oregon.

Na sequência, a mousesports despachou a Counter Logic Gaming do circuito ao vencer por 2 a 0, com parciais de 5-3 em Kafe Dostoyevsky e 5-2 em Banco.

Com isso, na segunda-feira (9) será decidido o segundo lugar dos grupos A e B. Na primeira chave, Spacestation Gaming vai encarar a Obey Alliance, às 21h (horário de Brasília). Já pelo lado B, SK Gaming e mousesports medirão forças logo na sequência.

Europa

No circuito do Velho Continente, a 1UPeSport garantiu o primeiro lugar da chave B. Vitória tranquila por dois mapas a zero em cima da Digital Chaos: atropelos de 5-0 em Banco e 5-1 em Oregon.

No outro confronto, Team Vitality despachou a ENCE eSports do regional com um triunfo também por 2 a 0, com 5-3 em Fronteira e 5-2 em Litoral.

Agora, resta definir quem se classificará em segundo lugar de cada grupo. Pela chave A, vão duelar Millenium e Mock-it Esports, na quinta-feira (12) da semana que vem, às 14h. E logo depois, pelo lado B, Digital Chaos e Team Vitality se enfrentam.

Ásia-Pacífico

O circuito é dividido em quatro regiões: Oceania, Japão, Coréia do Sul e Sudeste Asiático, com dois representantes de cada se classificando para as finais. Detalhe que alguns regionais estão mais avançados do que outros.

No Japão, já temos a campeã: a Pro E-sports Team Nora-Rengo venceu a final diante da Sengoku Gaming Extasy por 2 a 0, com duplo 5-2 em Oregon e Fronteira. Ambas as equipes, porém, garantiram vaga para as finais do circuito.

Quem ficou com o terceiro lugar foi a Alchemy, que bateu a eiNs por 2 a 1 de virada: derrota em Fronteira por 5-2; depois o empate no overtime por 6-5 em Consulado; e, por fim, a virada em Banco por 5-3.


Pela Coréia do Sul, a decisão do regional está prevista para às três da manhã deste sábado (7). O campeão sairá do confronto de Team Yetti e Team Latency, enquanto o terceiro lugar será decidido na sequência entre AsB e New Life.


No Sudeste Asiático, também já temos um campeão: a Team CryptiK superou a Scrypt por 2 a 0 com tranquilos 5-1 em Chalé e 5-0 em Fronteira. As duas organizações, lembrando, garantiram vaga para as finais asiáticas.


Por fim, a Oceania, representada pela Austrália e Nova Zelândia, que também já está totalmente definida. Sem surpresas, a Mindfreak garantiu o título do regional depois de vencer a Dark Sided por 2 a 1: em Fronteira, parcial à favor de 6-5; depois revés em Litoral por 5-3; e vitória em Consulado por 5-3.

O terceiro lugar foi para a Athletico Esports. Vitória por 2 a 0 com dupla parcial de 5-2 em Banco e Oregon.

 

Luiz Queiroga é jornalista da ESL BRASIL. Siga-o no Twitter!